top of page

Alta da produção se intensifica e expectativa dos industriais melhora

A Sondagem Industrial do RS, divulgada nessa segunda-feira (3) pela FIERGS, descreve um cenário positivo para o setor, com crescimento da produção, do emprego e redução da ociosidade, em agosto. “O cenário positivo para a indústria gaúcha aumentou o otimismo dos empresários, que preveem maior demanda e mais contratações nos próximos seis meses, além de aumento nos investimentos”, diz o presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry. O excesso de estoques, porém, segue como nota negativa e ainda preocupa.

O índice da produção registrou 56,9 pontos, o que significa aumento ante julho, o quarto consecutivo, e valor bem acima da média dos meses de agosto (53,6). Os índices variam de zero a cem, sendo os 50 a marca divisória dos resultados positivos e negativos.

Como consequência da alta da produção, em agosto as contratações também subiram. No 26º aumento consecutivo, o emprego alcançou 53,2 pontos, superando a média do mês, de 49,5. Confirmando o aquecimento da atividade industrial, a Utilização da Capacidade Instalada (UCI), com 75%, superou em três pontos percentuais a de julho, e em quatro pontos percentuais a média histórica do mês, registrando também o maior patamar de 2022. O índice de UCI em relação a usual ficou em 50,1 pontos, também o maior valor do ano, mostrando que, na avaliação dos empresários, a indústria gaúcha operou com um nível normal de UCI para agosto. O setor operava abaixo do nível usual desde dezembro de 2021.


Comunicação da FIERGS




Comments


bottom of page