top of page

Brasil vai dar garantia de crédito para compras de importadores argentinos

Para facilitar o comércio bilateral com a Argentina, o governo Lula vai usar o Fundo de Garantia à Exportação (FGE) para repassar linhas de crédito de bancos privados e públicos para que importadores argentinos comprem produtos brasileiros.

O acordo, anunciado nesta segunda-feira, 23, pelos presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Alberto Fernández, inclui também a criação de um grupo de trabalho para viabilizar a criação nos próximos anos de uma moeda comum para as transações comerciais com a Argentina e posteriormente com os outros países da região.

As duas medidas fazem parte de uma estratégia de fortalecimento da integração regional com os países da América do Sul, prioridade de Lula anunciada ainda na campanha eleitoral. "Estejam certos de que a Argentina será tratada com carinho e respeito que sempre mereceu. Nem o futebol será motivo para nos dividir, porque os interesses econômicos dos nossos torcedores são maiores", afirmou Lula, durante pronunciamento ao lado de Fernández.


Agência Estado




ความคิดเห็น


bottom of page