top of page

Cresce atividade industrial coureiro-calçadista no RS

Sem crescer há cinco meses e depois de terminar o primeiro trimestre praticamente estável, o Índice de Desempenho Industrial gaúcho (IDI-RS), divulgado nesta terça-feira, 6, pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs), voltou à trajetória negativa em abril. Recuou 2,4% em relação a março, com ajuste sazonal. Contudo, couros e calçados, somando alta de 3,2%, estão entre os três setores que registraram crescimento. A atividade industrial gaúcha, medida pelo IDI-RS, acumula baixa de 9,3% em seis quedas nos últimos oito meses. Está no menor patamar desde maio de 2021, mas ainda 5,2% acima do nível anterior ao da pandemia, em fevereiro de 2020. “A conjuntura econômica, sobretudo os elevados níveis de juros e de incerteza, a demanda doméstica insuficiente e a perda da confiança empresarial mantêm as dificuldades e as perspectivas pouco favoráveis para a atividade do setor nos próximos seis meses”, afirma o presidente da Fiergs, Gilberto Petry.


Jornal Exclusivo




Comments


bottom of page