top of page

Custos Industriais tiveram alta de 10,7% em 2022 em relação a 2021, diz CNI

O Indicador de Custos Industriais (ICI) teve uma alta de 10,7% em 2022 na comparação com 2021. O dado foi divulgado nesta quinta-feira (25) pela CNI. Os custos de produção e de capital, que compõem o indicador, tiveram elevação de 14,4% e 35,8%, respectivamente, impulsionando os custos totais da indústria brasileira para cima. Já o custo tributário teve queda de 13,0% no período.


Segundo o levantamento da CNI, os custos de produção foram afetados por acontecimentos internacionais, como a guerra entre Rússia e Ucrânia e consequente aumento nos preços de insumos e de commodities energéticas, principalmente nos dois primeiros trimestres de 2022. "Menos impactados pelos fatores externos, o terceiro e o quarto trimestres foram marcados pela influência de fatores internos no custo de produção, como o aumento dos custos com pessoal", diz a CNI.


Os dados mostram que o custo com energia cresceu 23% em 2022 na comparação com o ano anterior. Essa alta é resultado do aumento de todos os componentes do indicador: 35,1% para o óleo combustível; 58,4% para o gás natural, e 1,2% para a energia elétrica no período.


Estadão




Yorumlar


bottom of page