top of page

Exportações de componentes e químicos aumentam 12% em 2022

O ano de 2022 foi positivo para as exportações de componentes para couro e calçados brasileiros. Dados elaborados pela Assintecal apontam que, no ano passado, as exportações do setor geraram US$ 421,2 milhões, 12% mais do que em 2021. No comparativo com a pré-pandemia, em 2019, o crescimento é ainda mais significativo, de 18%. Segregando o mês de dezembro, o setor registrou estabilidade em relação ao mesmo mês de 2021, com a geração de US$ 34,9 milhões.

O gestor de Mercado Internacional da Assintecal, Luiz Ribas Júnior, destaca que o ano foi positivo para as exportações, sendo que 77 países receberam componentes do Brasil e 54 deles registraram crescimento. “Mais de 150 tipos de produtos foram exportados ao longo de 2022. Foi um ano que, apesar de um desaquecimento nos últimos dois meses, foi positivo. Segundo o gestor, o ajuste da produção no pós pandemia, a reinserção da China no mercado internacional, após o fim da política de Covid zero e o aumento de custos em função da inflação mundial influenciaram a desaceleração dos últimos meses de 2022. “O mercado deverá ajustar-se em 2023 e precisamos agora firmar o espaço conquistado no ano passado”, acrescenta.


Comunicação da Assintecal




Comentarios


bottom of page