top of page

FMI vê economia global pronta pra pouso suave

O FMI espera que a economia global continue apresentando resiliência em 2024, o que deve permitir um pouso suave. Apesar disso, a taxa de crescimento tende continuar abaixo das médias históricas, o que exige esforços de políticas e reformas para impulsioná-la, na visão do organismo. O FMI divulga novas projeções econômicas no fim de janeiro.


"2023 provou ser um ano bastante resiliente para a economia global, mais resiliente do que esperávamos no início do ano passado. Portanto, até agora, tivemos uma economia global relativamente resiliente e esperamos que essa resiliência continue em 2024", disse a diretora de Comunicações do FMI, Julie Kozack.


Ela mencionou que a inflação continua em queda e os mercados de trabalho seguem resilientes. No entanto, as notícias não são "tão boas" à medida que o crescimento da economia global no ano passado deve ter sido ao redor dos 3%, inferior às taxas médias de crescimento globais anteriores, que eram de cerca de 3,8%.


"Portanto, temos trabalho a fazer para impulsionar o crescimento global, especialmente a médio prazo", disse Kozack, citando a necessidade da adoção de "políticas sólidas" e reformas que possam aumentar a produtividade em um ambiente que tem sido muito propenso a choques. "Tivemos choque após choque após choque e um ambiente de grandes incertezas", avaliou.


Jornal do Comércio


Comments


bottom of page