top of page

Gerdau inaugura lingotamento contínuo de R$ 700 milhões em Pindamonhangaba

A Gerdau anuncia o início das operações do novo lingotamento contínuo de blocos e tarugos da Usina de Pindamonhangaba (SP). O equipamento, que já está em operação, permitirá à companhia ter um processo mais automatizado e com melhor rendimento, resultando na entrega de produtos diferenciados e em um patamar mais elevado de qualidade para os mercados demandantes. A atualização tecnológica da unidade está alinhada às perspectivas futuras de aumento da matriz de veículos elétricos e híbridos no Brasil.

Com investimento de aproximadamente R$ 700 milhões, o equipamento trará ganhos em três frentes, de acordo com a empresa: segurança, pois trata-se de um equipamento mais automatizado e moderno, qualidade, pois o novo lingotamento possibilitará a produção de aços “clean steel”, cuja tecnologia aplicada dá ao produto mais limpeza e maior resistência, aumentando sua vida útil, buscando atender a demanda da indústria automobilística por automóveis mais leves; e competitividade, pois o novo equipamento possibilitará uma redução de custos e o aumento de produtividade da operação.

“Temos realizado investimentos em nossas usinas de aços especiais para aumentar a produtividade e atender as necessidades e a demanda crescente dos nossos clientes. O novo lingotamento da Usina de Pindamonhangaba está alinhado aos conceitos de indústria 4.0 e aumentará a qualidade e competividade das nossas operações nesse segmento. A inauguração desse equipamento, bem como nosso plano de modernização das operações até 2025, reforçam nossa presença nos mercados em que atuamos, bem como nossa visão otimista para o setor automotivo brasileiro, que deve, nos médio e longo prazos, ter seus níveis de produção recuperados”, afirma Rubens Pereira, vice-presidente de Aços Especiais da Gerdau no Brasil.

IPeSI Digital




Comments


bottom of page