top of page

IBTeC apresenta duplicação do laboratório para substâncias restritas

O IBTeC apresentou novos equipamentos de seu laboratório químico para substâncias restritas. O presidente executivo da instituição, Paulo Griebeler, mostrou a clientes e associados os novos equipamentos, que garantem a duplicação da capacidade de atendimento, resultado de investimentos de R$ 3 milhões, que foram feitos “para dar ainda mais suporte aos nossos clientes e fomentar seus projetos de ampliação das exportações de seus produtos”.

Com os novos equipamentos, o IBTeC amplia sua capacidade de atendimento em uma das áreas de maior demanda na instituição. “Nosso propósito com este investimento é ser um importante ponto de apoio a indústrias de couro, de componentes e de calçados para o desenvolvimento de sua capacidade de atender a mercados cada vez mais focados na sustentabilidade”. Griebeler enfatiza que “já se percebe um comportamento mais exigente também do mercado interno em relação a questões como substâncias restritas. Nosso posicionamento, como instituição de pesquisa e apoio tem sido de estar sempre um passo à frente para o atendimento das demandas do mercado e dos nossos clientes”.

O presidente executivo do IBTeC salienta que segundo dados da Abicalçados, houve um aumento de 5,1% nas exportações brasileiras de calçados no primeiro bimestre. “E nós acreditamos talvez as movimentações econômicas mundiais representem uma oportunidade de o Brasil voltar a exercer seu protagonismo no mercado internacional. Por isto estamos investindo em ampliar nossa estrutura de atendimento”.


Comunicação do IBTeC




Comments


bottom of page