top of page

Indústria calçadista projeta crescimento de 2,2% em 2024

Depois de uma queda de 1,1% na produção de calçados em 2023, para 839,3 milhões de pares, a indústria calçadista nacional projeta um crescimento de 2,2% no próximo ano, alcançando 857,8 milhões de pares produzidos no País. As projeções foram divulgadas na coletiva de imprensa da Brazilian Footwear Show - BFSHOW, realizada na manhã do dia 22, no Centro de Eventos FIERGS, em Porto Alegre/RS. A primeira edição da mostra de calçados, que reúne 138 das principais marcas brasileiras de calçados, acontece até o dia 23.


Na oportunidade, o presidente-executivo da Abicalçados, Haroldo Ferreira, iniciou os trabalhos ressaltando que, embora os dados não sejam tão positivos, a Abicalçados é uma entidade de classe comprometida com fatos e que divulga números reais que orientam as mais de 4 mil indústrias brasileiras de calçados nos seus planejamentos e estratégias. “O Brasil é um país com grande potencial, mas infelizmente, algumas condições de competitividade estão prejudicadas. Temos um alto custo produtivo, um mercado desaquecido, tanto aqui quanto no exterior e uma concorrência desleal feroz por parte das plataformas internacionais, hoje isentas de qualquer imposto de importação em remessas de até US$ 50”, destacou.


Comunicação da Abicalçados



bottom of page