top of page

Livro conta a história do calçado

A produção do calçado envolve uma combinação de linhas, formas, cores e materiais capazes de identificar, por meio do design, aspectos sociais, econômicos, tecnológicos e imateriais, estimulando a criatividade e a emoção. É nessa capacidade semiótica de coisificar o intangível que o calçado se transforma não só em um item de proteção, mas, também, em um item de fetiche.

Para mostrar a evolução do calçado, o Museu Nacional do Calçado (MNC) lançou o livro Aos seus pés – Percorrendo a história do calçado. Realizado no Museu (situado no Câmpus I da Universidade Feevale), o evento também contou com o lançamento do novo site da entidade, no endereço mncalcado.com.br.

De autoria de Cleber Prodanov, Camila Brum e Ida Helena Thön, o livro destaca o acervo do Museu Nacional do Calçado, focando desde a trajetória do sapato até a sua compreensão como item de fetiche. Repleto de imagens, cores e formas, a obra traz a contextualização histórica e evolutiva do calçado, a definição de diversos modelos e suas características e, ainda, a análise do calçado como um item de sedução.

O livro foi lançado em cópia física e digital, podendo ser acessado no site do Museu, onde também há um formato acessível a pessoas com deficiência visual. Essas poderão escutar o conteúdo e as descrições das imagens, podendo selecionar determinado capítulo ou ouvir do início ao fim. A obra será disponibilizada, em ambos os formatos, a escolas e instituições profissionalizantes do calçado.


Jornal Exclusivo




Comments


bottom of page