Oportunidade: lançado o Start Exportação

Para fomentar a internacionalização das MPEs com foco nos setores de Alimentos e Bebidas, Metal Mecânico e Moda, foi lançado na semana passada o projeto Start Exportação, dentro do programa Indústria Global, a ser executado pela Fiergs, por meio do Centro Internacional de Negócios (CIN-RS) em parceria com o Sebrae-RS. O projeto foi lançado durante os seminários de sensibilização para exportação, destinados às Micro e Pequenas empresas dos setores de Alimentos e Bebidas, Metal Mecânico e Moda, respectivamente. O Start Exportação terá 40h de capacitações sobre temas de comércio exterior, marketing, negociação e preparação para feiras internacionais, e 24h de consultorias, adaptadas às necessidades das empresas participantes. As vagas são limitadas e a capacitação ocorrerá de abril a setembro deste ano. As inscrições estão abertas pelo e-mail cinbusiness@fiergs.org.br ou pelo telefone (51) 3347.8866.

Cada seminário contou com a presença de empresários, que relataram suas experiências e sucesso no mercado internacional, mostrando que é possível e viável exportar, mesmo sendo pequeno, pois basta querer e focar em atributos como qualidade, design, diferenciação, conhecimento de mercado, etc. João Paulo Sattamini, que contou como deu início ao Organique, primeiro energético orgânico do mundo, produzido com ingredientes brasileiros e exportado para mais de 10 países, incluindo Japão, EUA e Europa, falou no primeiro dia (23). Na manhã do dia 24, o seminário teve a participação de Ruben Bisi, diretor de Relações Institucionais da Marcopolo que destacou as diferentes formas de entrada no mercado internacional com suas vantagens e peculiaridades e recomendou iniciar pela exportação como forma de conhecer bem o mercado, antes de fazer outros investimentos. Por fim, no dia 25, Beatriz Dockhorn, fundadora e empresária proprietária da Bia Brazil, apresentou sua trajetória como a primeira microempresa Brasileira a Exportar, em 1994, e que hoje configura-se como uma das maiores exportadora do país em Activewear, exportando 90% de sua produção para mais de 65 países.


Comunicação da FIERGS