top of page

Pesquisa da FIERGS registra produção em alta no início do 2° semestre

A produção, pelo terceiro mês seguido, e o emprego, em sua 25ª elevação consecutiva, estão em alta na indústria gaúcha, aponta a Sondagem Industrial, elaborada pela FIERGS. A pesquisa registra também uma menor ociosidade das indústrias em julho, mas acúmulo de estoques, o que vem ocorrendo desde outubro de 2021. Os empresários projetam, para os próximos seis meses, aumento da demanda e do emprego, além de maior disposição para investir.

O índice de produção industrial ficou em 51,9 pontos em julho. O indicador varia de zero a cem, sendo que valores acima de 50 representam aumento ante o mês anterior. Essa elevação mantém a produção praticamente no mesmo ritmo de maio e junho e do previsto pela sazonalidade. Com 51,4 pontos, o índice de emprego continua a se expandir contrariando, mais uma vez, a sazonalidade negativa, de 48 pontos do período.

Apesar da queda de um ponto percentual em relação a junho, a indústria gaúcha segue a operar com um nível de utilização de capacidade (UCI) de 72%, acima da média histórica para o mês de julho, de 69,5%. Porém, os empresários consultados na Sondagem consideram a UCI abaixo do normal para a capacidade utilizada no mês. O índice de UCI em relação ao usual registrou 47,7 pontos, 0,4 maior que o obtido em junho, mas abaixo da marca que indica no patamar usual de 50 pontos.


Comunicação da FIERGS




Comentarios


bottom of page